• AceguáUrgente

Estado disponibiliza recursos para reforma da ERS-647

Atualizado: Jun 21

No início do mês de junho, o governador do Estado do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, concedeu verba para a reparação da principal rodovia do interior do município de Aceguá.


Serão investidos cerca de R$ 3 milhões na reforma da rodovia - Foto: Joice Cougo

A reforma da ERS-647 era um objetivo do governo municipal, visando que é uma estrada fundamental para o acesso ao hospital que atende a região. Uma demanda em torno disso já tinha sido pedida por outros prefeitos.


O processo iniciou entre fevereiro e março, com uma reunião com o diretor-geral do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), Luciano Faustino, em Porto Alegre. Em tratativas, o diretor sinalizou a possibilidade de um valor de R$ 1,1 milhão para o tapamento de buracos da rodovia estadual. “Saímos de lá não muito alegres, porque sabíamos que esse valor não seria suficiente para tentarmos arrumar o máximo possível a ERS”, contou o prefeito de Aceguá, Marcus Vinícius Godoy de Aguiar.


A seguir houve uma reunião com os deputados federal, Lucas Redecker (PSDB) e estadual, Pedro Pereira (PSDB), organizadores da agenda com o secretário-chefe da Casa Civil Artur Lemos Júnior, que recebeu a demanda e repassou ao governador que aceitou a solicitação, e concedeu R$ 3 milhões para a reforma da rodovia.



PUBLICIDADE

A ação entrou no programa Avançar lançado pelo governo do Estado do Rio Grande do Sul (RS), que reúne, de forma estratégica, os projetos do governo do RS para o desenvolvimento, a melhoria da capacidade de vida e a sustentabilidade.


Segundo Aguiar, a empresa que irá realizar a obra é a Encopav Engenharia, com contrato diretamente com o Estado, que fiscaliza sua execução. “Mesmo assim, a Prefeitura de Aceguá disponibilizará os seus engenheiros para, também, dar suporte a empresa se acomodar e elaborar um bom serviço”, disse.


A instalação da Encopav Engenharia no município está prevista para a próxima semana, porém ainda estão em busca de um local para os seus engenheiros se acomodarem próximo a ERS-647.


Sobre o Programa Avançar

Estruturado em três eixos (Avançar com Sustentabilidade, Avançar para as Pessoas e Avançar no Crescimento), é um programa transversal que organiza as principais entregas da gestão 2019/2022.


A nossa região foi contemplada com o terceiro eixo. O Avançar no Crescimento, trata de apoio à atividade econômica, desonerações fiscais, logística e mobilidade. Dois planos que fazem parte desse eixo foram apresentados à sociedade gaúcha nesta quarta (9): o Plano de Obras e o Plano de Concessões de Rodovias.


O primeiro plano apresentado foi o Plano de Concessão de Rodovias, no qual irá conceder 1.131 quilômetros de estradas, permitindo investimento de R$ 10,6 bilhões em 30 anos, dos quais R$ 3,9 bilhões já nos primeiros cinco anos. A consulta pública começará em 18 de junho, por 30 dias, e o leilão será realizado até dezembro.


Em seguida, Leite apresentou o Plano de Obras com recursos próprios, com investimento público e histórico de R$ 1,29 bilhão em diversos municípios gaúchos.


"Agora poderemos avançar ainda mais para levar às comunidades do interior estradas melhores, proporcionando progresso e desenvolvimento", afirmou o secretário de Logística e Transportes, Juvir Costella. "Essas obras vão incentivar a agricultura, atrair empresas, aproximar pessoas e, claro, gerar empregos. É a roda da economia girando no caminho da prosperidade", concluiu.


Ambos terão forte impacto na mobilidade, atualizando o Rio Grande do Sul com uma lógica de investimento em infraestrutura consagrada no Brasil e em outros Estados, que concilia recursos públicos e privados.


“O Avançar é o resultado de muito diálogo, e só é possível porque atuamos principalmente em duas frentes: reformas para dentro da máquina pública, que reduziram nossa despesa, e avanço no processo de privatizações, que abriram espaço para a entrada de investimentos privados”, destacou Leite.



Texto: Joice Cougo