• AceguáUrgente

Aceguá aguarda resultado PCR de cinco suspeitos da covid-19

A Secretaria de Saúde de Aceguá informou que o município aguarda o resultado de exames PCR de cinco casos suspeitos da covid-19.



Trata-se de uma mulher, de 55 anos, com sintomas de coriza, cefaléia e dor de garganta; um jovem, de 14 anos, que apresentou tosse, febre e dispnéia; uma mulher de 50 anos, com tosse, dor de garganta e coriza; um homem, de 35 anos, com sintomas de febre, dor no corpo e cefaléia; e um idoso, de 77 anos, com tosse, dor no corpo e dispnéia. Ambos os casos, encontram-se em isolamento domiciliar e a linha de transmissão são relacionadas ao município de Bagé.


Em nota, a Prefeitura alerta que pessoas que chegaram de viagem e que participaram de comemoração com residentes de fora de Aceguá devem realizar isolamento obrigatório e que estão sendo monitoradas. No momento, são 28 pessoas em monitoramento domiciliar. “Reiteramos que este não é o momento de realizar viagens e comemorações (especialmente com pessoas de outros municípios). Para que possamos manter nosso município livre da covid-19 é necessária a colaboração de todos. Vamos cumprir as medidas de segurança, manter isolamento social, evitar aglomerações e se possível ficar em casa”.


Até então, o município testou pouco mais de 4% da população (base no Censo 2019). Foram realizados 224 testes, 201 por testes rápidos e 23 por exames PCR. Isso, sem levar em conta, que muitas aplicações foram realizadas em moradores de outras cidades que se encontravam ou trabalham em Aceguá.


O município é o único da região que ainda não apresentou caso confirmado do novo coronavírus e participa de um seleto grupo, de pouco mais 1% das cidades brasileiras, que, ainda, não tiveram contaminados pela covid-19.
33 visualizações0 comentário
  • Facebook ícone social
  • Instagram
  • Twitter

Receba nossas atualizações

2020 por Maper Propaganda. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da direção do Portal de Notícias AceguáUrgente.